Ontem pelas 15h40 na Biblioteca Florbela Espanca (em Matosinhos) decorreu um Debate sobre [tooltip id=”1e6fdd668b0b299507f15c834f958cd4″][tooltip id=”2bc00d3f65956e4d530f35555262c53e”][tooltip id=”ad5191b2d88898e8e5a734a3e676a138″]tuning[/tooltip][/tooltip][/tooltip], organizado pelo Novo Rumo [tooltip id=”1e6fdd668b0b299507f15c834f958cd4″][tooltip id=”2bc00d3f65956e4d530f35555262c53e”][tooltip id=”ad5191b2d88898e8e5a734a3e676a138″]Tuning[/tooltip][/tooltip][/tooltip], com convite lançado a todos clubes tuning e público em geral que manifestasse ínteresse em participar, para dar voz às suas opiniões do que é necessário fazer para melhorar e legalizar o tuning em Portugal…

Os organizadores do debate, Tiago e Cátia, fizeram questão de lançar o convite aos clubes de tuning mais influenciadores a nível nacional, tais como por exemplo TNT Tuning Club , Guppik Team , Bypower , Visual Tuning,  Aveiro Car Team , Elite Tuning Club , 100% Tuning , Marca da Liberdade (ML Tuners) , Live 2 Drive , etc para debaterem ideias e soluções, de tuners para tuners, para o bem do tuning. Afinal, só do Novo Rumo Tuning já foram apreendidos 15 automóveis tuning na zona do Porto e norte do país. É algo que tem que ser mudado, e rapidamente.

Estiveram presentes cerca de 50 pessoas, dos referidos clubes e outros mais, além de público em geral, que expressaram as suas opiniões do que existe a fazer para melhorar o tuning em Portugal, quer a nível de eventos, como a nível de leis, entre outros assuntos de igual importância. De lamentar a sentida ausência dos organizadores das concentrações tuning que se realizam no norte, ou de empresas, com excepção do nosso amigo Carlos Silva (Bypower , conhecido pela sua infinita paixão pelo tuning e organizador de 1 dos  melhores eventos tuning em Portugal: Braga Tuning Show) o qual expressou as enormes dificuldades que o tuning atravessa actualmente. 

Também de lamentar a ausência de representantes de outros clubes de tuning que foram igualmente convidados, e também não compareceram. Demonstra-se assim a imagem da falta de dedicação pelo tuning, os quais assim demonstram apenas interesse pelos eventos tuning e pouco mais, ou nada mais.

O debate começou pela palavra da Cátia Amorim (Presidente do Novo Rumo Tuning) em que salientou a “falta de união entre clubes” para levar avante todos esforços para legalizar o tuning em Portugal. Existe uma enorme falta de união entre os adeptos do tuning , pois é com a união que se poderá lutar pela legalização do tuning, para que todos automóveis modificados possam circular livremente.

A actual situação da falta de legislação do tuning agravou-se com o fecho das únicas 2 revistas de tuning que existiam em Portugal. Referimo-nos à MaxiTuning e à Magik Tuning. No entanto , “foi bom acabarem as revistas porque as revistas chamaram “ignorantes” aos tuners” – opinião expressa por alguns participantes . De facto já existia o facto de que as revistas nacionais estavam mais vocacionadas para os lucros e vendas, do que propriamente defender a causa da legalização. Exemplo disso foi terem sido elaborados alguns eventos tuning baptizados com o mesmo nome da revista, onde se salientou o elevado preço da entrada e como “recompensa” não ofereceram grande variedade de prémios nem actividades. Viver à custa dos tuners foi algo que não foi bem aceite pelos tuners. E o insulto aos tuners foi a última gota. Daí a quebra de vendas, e consequente fecho das revistas.

Não aconteceu só dessas vezes. Ainda agora acontece muito disso. Facturar com concentrações parece ser o actual nicho para muitas empresas. Aliás , “as pessoas estão a ver cada vez mais as concentrações de tuning como um negócio” – Cátia Amorim.

Negócio e não só. Inclusivé, a tão mal-falada corrupção também abrange as concentrações. Prémios pré-atribuidos. E a vanglória posterior nos fóruns só faz crer que as pessoas deslocam-se ás concentrações tuning apenas para os prémios, em vez do habitual convívio, amizade, etc. Para isso, é necessário “as concentrações terem jurís isentos” (Cátia Amorim).

Mas isto tipo de “tratamento” começa por vezes logo á entrada dos recintos das concentrações tuning. O nosso amigo Luís (Marca da Liberdade Tuners) relatou o facto de existir “um atendimento especial” aos participantes de concentrações tuning que tenham carros tuning “especiais” (alargados, topo-de-gama , carros que fizeram capas de revistas, carros de empresas, etc), o que leva a crer que existe uma espécie de tuners de 1ª qualidade (que entram directamente para as concentrações), e tuners de 2ª qualidade (que ficaram tempos infinitos na fila enquanto aguardam a sua vez para entrar).

Na realidade, o tuning está a diminuir no que diz respeito a popularidade. Segundo palavras da Cátia Amorim, “as pessoas estão descrentes , e existe a necessidade de haver regulamentação dentro dos próprios clubes” , e em seguida “é necessário desenvolver 1 associação crédivel, com advogados, leis, etc”.

Legislação é o que está a faltar agora. Vítor (Focus preparado pela empresa Emile Design) relatou “temos que rever as entre-linhas do código da estrada que possam defender o tuning“. Terá que se desenvolver “uma forma de fazer apelo ao Governo” , rematou o assunto.

Dificilmente se conseguirá levar a bom porto os esforços de legalizar o tuning enquanto existir a mentalidade de que tuning está directamente envolvido com as corridas ilegais de rua. Ainda existe esse conceito errado expressado na comunicação social, e é necessário “tentar ensinar as pessoas que tuning não é correr nas ruas” , afirmou a Tánia (Visual Tuning) .

Foi por causa do conceito errado que a Câmara Municipal da Figueira da Foz recusou a realização da 9ª concentração tuning na Figueira da Foz devido ao nome (tuning). Existe ainda muito a fazer e lutar pela desmistificação da verdadeira essência do que é realmente o “tuning“.[tooltip type=”box” html=”Input Your Content Here” box_background_color=”#eeeeee” box_opacity=”0.95″ box_padding=”10″ box_border_color=”#3F3F3F” box_border_width=”1″ box_border_radius=”0″ id=”1e6fdd668b0b299507f15c834f958cd4″ /][tooltip type=”box” html=”Xtreme Tuning” box_background_color=”#eeeeee” box_opacity=”0.95″ box_padding=”10″ box_border_color=”#3F3F3F” box_border_width=”1″ box_border_radius=”0″ id=”2bc00d3f65956e4d530f35555262c53e” /][tooltip type=”box” html=”Xtreme Tuning” box_background_color=”” box_opacity=”0.95″ box_padding=”10″ box_border_color=”” box_border_width=”1″ box_border_radius=”0″ id=”ad5191b2d88898e8e5a734a3e676a138″ /]