A empresa SuperChips, residente no Reino Unido, e especialista em reprogramações de centralinas, apresentou a sua proposta para os proprietários Ford Fiesta 1.6 TDCI que estejam “descontentes” com a performance original deste pequeno citadino da Ford. Esta modificação electrónica permite obter mais 23 cavalos de potência e mais 36 Nm de binário. Esta reprogramação é compatível com as versões de 88 cavalos e também com as versões de 95 cavalos.

Mais potência para Ford Fiesta 1.6 TDCI (SuperChips)

Os resultados saltam à vista: uma condução mais suave, mais linear, e ao mesmo tempo mais económica se conduzir em modo mais calmo. A parte interessante é que se consegue conduzir com a mesma agressividade das versões Zetec, mas com os consumos dos turbo-diesel Ford Fiesta 1.6 TDCI.
O preço ronda os 500 euros, já com instalação e impostos. Apenas disponível em Inglaterra para qualquer versão Ford Fiesta 1.6 TDCI .